sábado, março 29, 2008

Blog: ferramenta dialógica entre a tecnologia e a educação

Como proposto no título desta postagem, o blog ou diário virtual, para mim é uma ferramenta dialógica entre a tecnologia e a educação, se utilizada nessa perspectiva por educadores que busquem o duplo caminho entre o local e o universal. O blog, evidentemente, por não ter todos os recursos de um sítio (site) não deve querer se propor a ser um portal, mas sim um indicativo dessas múltiplas possibilidades que existem no mundo digital, também chamado ciberespaço, rede mundial de computadores e outras denominações. Um blog pertencente a um educador (ou blogueiro educacional) - como é o meu caso e doutros colegas que muito têm me auxiliado no imenso desafio de unir tecnologia com educação -, deve divulgar atividades locais e também mostrar outras possibilidades. Refletir não apenas para si, mas sobre o mundo em que está inserido. A rede lógica da informação e a lógica da rede de comunicações devem convergir para o mesmo fim, quando se trata de tecnologia educacional: "educar" a máquina e seus usuários em prol do diálogo social, e não robotizar ambientes, alguns já robotizados por um ensino maquinal, de perguntas e respostas no estilo "questionário" ou de estudo dirigido, que leva não ao ensino mas a "decoreba", como dizem os alunos, que é o ato de decorar as coisas sem se dar conta do que elas de fato são.
Sempre que posso acompanhar o trabalho de colegas e amigos, vou aqui neste espaço divulgando, referenciando, estabelecendo links que vão além de um caminho (atalho) para seu blog. Busco estabelecer parcerias para a resolução de dúvidas, troca de experiências e a produção conjunta no futuro de projetos colaborativos a distância.
Como comentei na oficina de construção de blogs, para professores da rede pública estadual, aqui da região da 18ª CRE - Rio Grande, o blog pode ser um pequeno portal de EAD, quando utilizado por uma escola ou professores e alunos, a partir do recurso de configurar as permissões para seu acesso, como colaborador ou leitor. Neste ambiente virtual, de pequeno porte, é possível discutir a distância, seja de forma universalizada ou restrita, os conteúdos e competências de uma disciplina, e ao final do trabalho, que poderá ser em forma de projeto de aprendizagem ou não, divulgá-lo para o mundo, quando eliminadas as restrições de acesso.
Dialogar com o mundo, seja em âmbito local ou universal, pode ser feito através de um blog, que una a tecnologia e a informação com a educação e a inclusão social. O Letra Viva do Roig, blog criado durante a especialização em TIC's na Promoção da Aprendizagem (UFRGS-2006/2007), proporcionou-me não apenas conhecer propostas e projetos de terceiros, como divulgar os meus, e obter o reconhecimento nacional e internacional por conta dos mesmos. Hoje, tenho o privilégio de contar com uma rede de amigos que se espalham pelo mundo real e virtual. Sem eles, muitos de meus projetos não teriam sido possíveis, tampouco a sua ampliação e qualificação. Parceiros que comentando no blog, ou mandando por e-mail comentários e esclarecimento de minhas dúvidas, dialogaram comigo, estabelecendo inclusive um vínculo de amizade. Tenho consciência que, sem o blog, jamais teria tido tal reconhecimento, que tem sido comprovado com o aumento dos visitantes, que hoje ultrapassam a média de 1 centena ao dia, e em alguns momentos, ultrapassando as duas centenas diárias. Nada disso seria possível, lógico, se não fosse indicado por amigos, colegas e visitantes a outros visitantes, bem como se não alimentasse o blog, quase que diariamente, de informações, sugestões, reflexões e críticas construtivas, dentro de uma propostas construtivista, de aliar a aprendizagem significativa e a flexibilidade cognitiva, tanto com alunos como professores.
Um blog não é um site, mas pode ser tão importante como um, se for dialógico com o mundo em que vive e com os desafios que envolvem a tecnologia educacional.
Dentro desse diálogo diário que travo dentro da rede lógica e mundial de computadores, cabe salientar alguns outros blogs educacionais e culturais que considero parceiros do Letra Viva do Roig, pelo apoio que sempre me deram quando precisei. São eles, dentre outros que breve terão destaque:

Caminhos , de Bernardete Motter, de Caxias do Sul - RS;
Caldeirão de Idéias , de Robson Freire, de Itaperuna - RJ;
Arte Brasilis , de Vera Lucia Guidi, de São Paulo - SP;
Me Acharam , de Márcia Paganella Ribeiro, de Caxias do Sul - RS;
Culteduc - Educação e Cultura Digital , de Márcia Br., de São Paulo

Observação: Imagem acima, intitulada "Constructing the Rainbow", de Mark Kostabi, extraída da internet do endereço
http://www.adambaumgoldgallery.com

Marcadores: ,

4 Comments:

Blogger Teresinha Bernardete Motter said...

Sinto-me honrada de receber a tua indicação como parceira do LV.Desde o início estivemos juntos em nossa aprendizagem. É isso ZÉ, através do uso de blogs conseguimos interagir e cooperar ,aprender a distância. Espero que possamos continuar nosso trabalho,nossa aprendizagem, nossa amizade.
bjs
Bernardete

15:11  
Anonymous Vera ~ Arte Brasilis said...

Amigo Zé ! Obrigada pela valiosa parceria, que multiplica as boas idéias e ações educacionais.
Abração.
Vera -SP

http://artebrasilis.blog.terra.com.br/parcerias

20:05  
Blogger Culturanarede said...

E agora José!
Cada vez mais sinto-me comprometido no aprender aprendendo. é verdade no que refere-se ao uso dos Blogs como meio noprocessode esnino e aprendizagem. Temos que criar uma nova cultura, onde possamos compartilhar nossas ações para fortalecermos cada vez mais a utilização adequada das tecnologiasno contexto da escola.
Abs[]
Luiz Napoleão Vieira

01:13  
Anonymous Anônimo said...

Just want to say what a great blog you got here!
I've been around for quite a lot of time, but finally decided to show my appreciation of your work!

Thumbs up, and keep it going!

Cheers
Christian, iwspo.net

14:59  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home