terça-feira, março 18, 2008

A 5ª revolução da informática


De acordo com Steve Ballmer, presidente da Microsoft - em palestra na CeBIT 2008, na Alemanha, maior evento de tecnologia no mundo -, estamos vivendo a 5ª revolução da informática. Ballmer disse que: "Eu vivi quatro grandes revoluções: o computador pessoal, a interface gráfica (com mouse, ícones e janelas), a explosão da internet e a web 2.0. Agora estamos à beira da quinta revolução, em que o software será capaz de adivinhar o que a pessoa deseja fazer. Ela dirá: Quero ir para Hannover e o software reservará automaticamente as passagens e o hotel."
Segundo a notícia, extraída do portal Yahoo! Brasil, e que poderá ser lida na íntegra acessando o link abaixo: "As primeiras máquinas realmente inteligentes serão, é claro, enormes e muito caras. Como o supercomputador Jugene, que é o segundo mais rápido do mundo (só perde para uma máquina do Exército dos EUA) e acaba de ser inaugurado em Jülich (oeste da Alemanha). Ele é capaz de fazer 167 trilhões de cálculos por segundo, 4.300 vezes mais do que o PC mais possante disponível no mercado".
De acordo com a notícia, há no evento uma mostra das inúmeras possibilidades que a ciência e a tecnologia nos brindarão nos próximos anos, de quinquilharias "às últimas novidades em televisões e celulares, passando por tecnologias irresistivelmente futuristas - como o computador ao lado, controlado pela mente (basta "pensar" para mover o cursor do mouse)".
Controle remoto através da mente? Algo que lembra a ficção e o cinema, como o filme Scanners (1981), de David Cronenberg. Quem já o viu deve se lembrar. São perspectivas impressionantes de possibilidades da tecnologia dar asas ao que antes era fruto da imaginação. Nos próximos dez anos, tudo indica, teremos revoluções cada vez com prazo de validade mais curto. Vejam só outra novidade que nos aguarda: "(...) é o vídeo de ultra-alta definição: cientistas alemães demonstraram uma tela que atinge 5 mil linhas de resolução. É cinco vezes mais do que a HDTV (TV digital de alta definição que acaba de chegar ao Brasil) e chega a provocar uma certa vertigem".

Computadores vão nos entender?

Observação: Imagem acima, extraída da internet, do endereço
http://www.rel-uita.org

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home