terça-feira, fevereiro 26, 2008

Aquecimento global: no mundo real e no digital


Cada vez mais a informática e o mundo digital tentam reproduzir em bits e bytes o que acontecem no mundo real, ora por intenção, ora por casualidade. Refiro-me ao aquecimento global, evidenciado de forma cada vez mais nítida, sem que seja preciso se expor demais ao sol, na beira da praia. Basta sair de casa para o trabalho e vice-versa para sentir na pele certa ardência, que antes só acontecia no auge do verão e depois de um longo período de exposição. Hoje, para se sair de casa, deve-se usar protetor solar, para evitar os danos à pele.
Já, no mundo virtual, outro aquecimento deve-se evitar, ou seja, o que está sujeita a máquina. Cuidados para que o micromputador não superaqueça e queime componentes esseciais. Cada vez mais as pessoas trabalham conectadas, umas mais que as outras, mas muitas delas vivendo on-line sem desligar o microcomputador nem pra dormir. Por melhor que seja o equipamento adquirido e a resistência que o fabricante divulga na garantia, pra tudo na vida real e também na virtual há limites. Locais pouco arejados, com incidência da luz solar direto sobre o PC, sensível à umidade e à poeira vão comprometendo a eficiência do maquinário. Se navegar é preciso, ventilar a máquina é essencial, e se no local tiver equipamento de ar-condicionado, melhor ainda. Especialistas sugerem, além disso, outros pequenos cuidados como não deixar o micro próximo demais de móveis ou paredes, o que prejudica a saída do ar quente de dentro da máquina. Processador, placas, fonte e outras peças do interior do computador acumulam energia e produzem calor. Aquele pequeno componente, parecido com um pequeno cata-vento de plástico, chamado cooler é elemento básico para a ventilação da fonte e do processador. De vez em quando convém ver se suas pás não estão tortas, o que requer imediata substituição. Limpeza interna do equipamento, retirando umidade e poeira também, é um cuidado que ajuda no desempenho do mesmo. Levar o PC ao técnico, não apenas quando apresenta problemas - como se faz com um carro no mecânico para revisão -, é um bom conselho a quem vive mais conectado ao mundo digital do que ao real. Afinal, prevenir é sempre melhor e mais barato do que remediar.
Para finalizar esta postagem, primeiro, voltando ao aquecimento global do mundo real, sugiro a quem ainda não assistiu em tela grande (cinema) ou na pequena do DVD, locar urgentemente o vídeo Uma Verdade Inconveniente, produzido pelo ex-vice-presidente e ex-futuro presidente norte-americano Al Gore. Um filme que traz imagens e dados preocupantes sobre esse tema de importância mundial. É uma boa dica de vídeo para o debate em sala de aula (ou na de vídeo) dos educadores com seus alunos, no retorno de ambos das férias, pois envolve a interdisciplinariedade, trabalhando a questão ambiental como tema transversal.
O segundo comentário final trata-se sobre um dado curioso, na questão do aquecimento global, que é o ato de reinterpretar o refrão de um clássico da canção popular brasileira, que diz: "O sertão vai virar mar e o mar vai virar sertão". Já estamos vivenciando o que era apenas poema tornar-se profecia: áreas desérticas onde haviam florestas e lagos, áreas alagadiças onde antes haviam cidades e estradas. Será que todo poeta é meio profeta descuidado? Ou será que todo profeta poetiza o que vê antes dos outros, o que nem ele mesmo entende plenamente, mas intui, sobre aquilo que os outros não dão valia às suas críticas e reflexões? Fazendo um exercício de crítica literária com mescla de crítica política, penso que as centúrias de Nostradamus, mais do que profecias apocalípticas, se lidas fora deste contexto é um texto poético, simbólico, metafórico, enfim, literário à espera de confirmação histórica ou não. Depois do fatídico 11/09, ao ligar-se um microcomputador, uma TV ou outro equipamento eletrônico fica improvável dizer à primeira vista o que é realidade e o que não passa de ficção, o que é literatura e o que poderá tornar-se parte da História Universal da Infâmia - mais que citação de livro e indicação de leitura do livro do grande escritor argentino Jorge Luis Borges, uma provocação e uma reflexão sobre o nosso cotidiano.
Observação: Imagem acima, digitalizada de um recorte de jornal, em que não foi possível identificar autoria, nem se é de fato uma imagem ou uma manipulação digital.

1 Comments:

Blogger Xiaozhengm 520 said...

2015-10-14 xiaozhengm
Michael Kors Outlet Online USA Stores
abercrombie and fitch
tory burch sale
Michael Kors Outlet Discount Purses Online
Canada Goose Jackets Outlet Online Sale
Polo Ralph Lauren Factory Outlet
Prescription Oakley Sunglasses Wholesale
hollister uk sale
Coach Outlet USA Stores
ugg boots
hermes bags
air max 95
michael kors handbags
Authentic Montblanc Pens Sale Online
Louis Vuitton Bags On Sale Cheap
Louis Vuitton Neverfull GM Monogram
canada goose outlet
Michael Kors Online Store Outlet
fitflops
coach factory outlet
michael kors outlet
louis vuitton
Air Jordan Shoes For Women And Men
ugg boots
Red Bottom Shoes Christian Louboutin
nike free run 2,nike free runs,nikes,nike air max 95,nike high tops,air force 1,nike pegasus
cheap jerseys
Nike Lebron James Shoes For Sale
ugg boots sale
louis vuitton handbags
Hollister Shirts For Women
Designer Handbags Louis Vuitton

08:05  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home