segunda-feira, novembro 19, 2007

Defesas de dissertação: área História da Literatura

Notícia extraída hoje, da coluna Acontece, do Jornal Agora (www.jornalagora.com.br), de Rio Grande - RS, trata de duas defesas de dissertação de mestrado do Curso de Pós-Graduação em Letras da Furg (área História da Literatura), que me interessam muito: a primeira, de Luiz Felipe Voss Espinelly, intitulada "Tudo Além: A busca do reconhecimento identitário em onde andará Dulce Veiga?", que acontece no próximo dia 28, às 14h, no anfiteatro 1 do pavilhão 4 no Campus Carreiros da Furg. A banca examinadora será formada pelos professores: José Luís Giovanoni Fornos (Furg) – orientador, Rubelise Cunha (Furg) e Mairim Linck Piva (Univates). Onde andará Dulce Veiga? é um famoso livro do escritor Caio Fernando Abreu, que junto com Moacyr Scliar e Érico Verissimo, entre outros, me fizeram desde cedo a ser leitor e escritor. Caio, para mim, é um dos maiores contistas brasileiros. Livros como O ovo apunhalado e Os Dragões não conhecem o paraíso me causaram ao mesmo tempo estranhamento e fascinação por aquela forma crítica e poética de ver e escrever sobre o mundo.
Já a segunda defesa é de um grande e talentoso amigo Paulo Sérgio Andrade Quaresma, intitulada "A morte, os mortos e o morrer na crônica da casa assassinada de Lúcio Cardoso", e acontecerá no próximo 30, às 15h, no anfiteatro 1 – pavilhão 4, Campus Carreiros da Furg. A banca examinadora será formada pelos professores: Antônio Carlos Mousquer (Furg/ orientador), Carlos Alexandre Baumgarten (Furg) e Maria Eunice Moreira (PUC-RS).
Os dois livros ainda não li, mas já estão em minha lista de futuras leituras após o mestrado, pois atualmente tenho direcionado meu foco apenas para o material teórico e literário do curso. Ano que vem, inicio a elaboração de minha dissertação de mestrado, usando parte das pesquisas e leituras sobre a obra de Érico Verissimo, que utilizei em 2006, na especialização em História do Rio Grande do Sul (FURG). Desta feita darei o enfoque literário e não tanto histórico. Em tempo: as defesa são públicas, e os interessados podem assistir.

1 Comments:

Blogger luiz young said...

Olá!

Fico contente pelo interesse, ainda mais de alguém de Rio Grande. Se já tiver lido o Onde andará Dulce Veiga? e tiver curiosidade em ler minha análise, posso te enviar por e-mail a dissertação.

cordialmente,
Luiz Felipe Voss Espinelly

21:39  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home